Caldeiras com fornalha ciclone

A B&W desenvolveu a tecnologia de fornalha-ciclone para queimar qualidades de carvão que não são adequados para combustão de carvão pulverizado. As cinzas desses tipos de carvão têm uma temperatura de fusão muito baixa. Normalmente, essas cinzas fundidas seriam depositadas em todas as superfícies de transferência de calor a jusante, causando escórias e incrustações graves, com o consequente impacto negativo na capacidade, disponibilidade e confiabilidade da unidade.

Devido às condições extremas dentro da câmara de combustão, as caldeiras-ciclones por vezes apresentam elevadas taxas de erosão e corrosão. No início dos anos 80, a B&W iniciou um intenso programa de desenvolvimento para aumentar a vida útil das superfícies internas dos ciclones através de materiais avançados e ponteiras de padrão avançado, bem como métodos de fabricação aprimorados.

As modificações e aprimoramentos dos ciclones -- incluindo o posicionamento alternado dos fixadores das ponteiras, novas rotas de tubulação para maior segurança mecânica, construções vedadas por soldagem e reestruturação do compartimento dos tubos na parte inferior do cilindro do ciclone -- prolongaram significativamente a vida do equipamento.

Noca Construção

Evidenciamos aos nossos clientes a capacidade de executar habilmente soluções inovadoras, desde novos equipamentos até projetos de grande porte, complexos e completos de engenharia e construção.

Modernizações/Retroajustes

A modificação, melhoria e manutenção de equipamentos existentes são considerações vitais para a viabilidade e rentabilidade a longo prazo de todas as operações.

Peças/Serviços

Uma ampla rede de centros regionais de serviços, engenheiros de campo e equipes de suporte técnico estão disponíveis para fornecer serviços personalizados e soluções pós-vendas para atender às suas necessidades.

Projeto/Itens em destaque

Como funciona uma fornalha-ciclone?

  • Similar ao ciclone natural (tornado)
  • Cilindro horizontal constituído por tubos estreitamente espaçados
  • Tubos dentro do cilindro cobertos com parafusos e refratários
  • Combustível introduzido na parte frontal do ciclone através do queimador
  • Carvão dispensado para dentro do ciclone, onde é misturado com o ar de combustão, provocando a combustão do carvão